Header Ads

Anima Osasco em setembro de 2009 - Polêmica!

Que o evento não foi 100%, quem foi, sabe... Que o shsow não foi grande coisa, quem esteve pode comprovar... Mas, que deu uma BELA polêmica comentar sobre o que aconteceu por lá, ah, isso deu!

O site do Anime Freak Show, que estava acostumado a receber, diariamente, em visitas únicas, na abse de 70 a 80 pessoas, porque o povo geralmente não entra todos os dias, então, mesmo tendo muitos downloads do podcast, não ultrapassava um número muito grande.

PORÉM, nesta segunda feira dia 14, com a notícia comentando pontos positivos e negativos (podem acreditar, por incrível que pareça, eu vi pontos positivos sim!) que publiquei no site http://www.anfreak.co.cc , acabou gerando uma grande polêmica, praticamente uma guerra entre os 17 fãs de GPKISM e muita gente que esteve no show e no evento cometnando, repassando a notícia, etc. Acabou que, ao final do dia, após pouco mais de 400 visitas ÚNICAS (Sim, únicas... Em mesma visita sendo repetida pela mesma pessoa, teriam chegado a mais de 10 mil visitas), e com uma AMEAÇA da organização do evento para/contra o site, de que haveria um processo judicial contra o dono do site devido á notícia (calúnia e mentiras, segundo o e-mail, apesar de testemunhas e PÚBLICO dizendo o contrário).

Admito, sou AMIGO dos organizadores, mas, ser amigo, não é ficar elogiando inclusive os ERROS! Ser amigo é falar bem quando merece ser elogiado, e reclamar, fazer críticas, para uma melhora no total do evento e próximas empreitadas!

Não gosto de perder amizades, porém, não vou mentir falando que tudo estava ás mil maravilhas somente para ter regalias, ou para não perder amizade. Sou sincero, e pontot final!

No site do Anime Freak Show, ou em qualquer outro lugar, como PÚBLICO eu poderia dizer tudo que disse, e, como IMPRENSA poderia também, porém, amenizando as palavras. Se fiquei indignado pela banda preferir utilizar de PLAYBACK ao invés de cantar e tocar AO VIVO, é porque sou músico há mais de 12 anos, PROFISSIONALMENTE, e tenho VERGONHA de bandas que preferem usar uma gravação apra fazer pose, ao invés de mostrar ao vivo que sabem fazer mesmo!

Um BOM exemplo do que o GPKISM fez em São Paulo (não sei quanto aos outros shows) é o caso do grupo "Milli Vanilli", em 1988, formada pelos modelos Fab Morvan e Rob Pilatus (falecido), que apenas DUBLAVAM ao vivo e nos videoclipes o verdadeiro grupo, que nem eles faziam parte, e dos quais apenas aceitaram a idéia de gravar e fingir que eram outros os artistas, devido á suas aparências, por acreditarem não poderem fazer sucesso por serem diferentes (gordinho, ou feio mesmo, ou outros motivos pessoais individuais de cada um). É uma pena que a farsa foi descoberta justamente quando ganharam um Grammy, e em seguida o prêmio foi revogado devido á esta "dublagem ao vivo" que eles faziam.

A diferença entre Milli Vanilli e o GPKISM é que, no caso da banda japonesa, não foi em prêmio Grammy, ou coisa do tipo. Eu mesmo, prefiro nem comentar sobre as múscias, se realmente são eles ou não, mas, acredito que, se eles REALMENTE gostam de seus fãs, não farão apenas pose e dublagem ao vivo para fazer o fanservice, e sim, TOCARÃO e CANTARÃO ao vivo! Isso é o que um PROFISSIONAL de verdade faz!

Só por eu comentar sobre o que eu ACHO e sobre o que VI COM CERTEZA, muita gente ACHA que pode me criticar, defendendo os artistas, com se EU fosse o anti-profissional, ao falar a verdade nua e crua, doa a quem doer! A diferença entre eu e a turma do CQC é que eles tem como se defender, tem um grupo grande, uma organização que possa os defender! Já eu, tenho somente a minha palavra e a das pessoas que foram e comprovam sem medo o que eu falei!

Ok, doeu em muita gente, pelo fato de eu ter falado algumas coisas parecendo estar com raiva, mas, uma dupla musical, chegar num show ao vivo internacional, usarem playback, e ainda deixarem a imprensa esperando pela coletiva de imprensa das 11 da noite até meia noite e m eia, mais da metade das pessoas ficando sem transporte para casa, todos cansados, eu não acho NADA profissional!

Fui atacado pelo lado PESSOAL somente por ter feito esta notícia, que, infelizmente, não tinha calúnias e mentiras, como poucas pessoas diziam sobre. E, com certeza, tenho mutias pessoas que estão ao meu lado, pois estavam presentes no local, algumas nem memso me coneheciam, mas, viram tudo que eu disse, acontecendo e podem comprovar! Pessoas de Osasco mesmo! Algumas pessoas de São Paulo também. Então, não me venham fazendo acusações de mentira e calúnia, pois não preciso de sensacionalismo para ter público, ok? Simplesmente não tenho medo da verdade, mesmo que eu possa me ferrar por causa da mesma!

Divulguei durante meses que o evneto aconteceria, e que a banda viria, e foi DE GRAÇA! Fui enrolado e enganado sim, e, no que diz respeito á lei e á calúnias e mentiras, realmente, eu acabei sendo a verdadeira vítima. Mas, não vou processar ninguém, simplesmente porque não quero me cansar á toa por gente que não sabe o que faz.

Eu ELOGIEI o evento, inclusive dizendo que havia melhorado em comparação aos anteriores, e isso eu não acho ser mentira ou calúnia. Mas, se as pessoas que o organizam mudaram suas personalidades, a culpa não é minha, é da falsa sensação de PODER que ser organizador dá á algumas pessoas!

Eu CRITIQUEI de modo construtivo quanto á banda, pois, ser PROFISSIONAL é ter coragem de tocar AO VIVO ao invés de dublar com seus playbacks. A maior vergonha para um profissional da música é ter de usar playbacks ao invés de mostrar seu talento, caso seja existente!

Se as pessoas que curtem a banda, a defendem, isso é bom pra banda, mas, ao memso tempo NÃO! Se eles votlarem ao brasil, faço questãod e estar ao lado da mesa de som, para ver se não estão usando playbacks da voz, ao invés de realmente serem músicos. Faço questão de estar lá, vendo se eles se tornaram memso PROFISSIONAIS ou se eles ainda preferem apenas fazer pose.

Pelo histórico pesquisado sobre a banda, o guitarrista era da banda BLOOD, e é dono de uma gravadora, produtor, etc. O vocalista é apenas o vocalista GPK, como se auto denomina. Ryonai, o tecladista, não quis sair do Japão por motivos pessoais, mas, em alguns sites, incluindo o da radio oficial, da qual tenho amigos, então, pretendo não mensionar o nome aqui, estavam escritos que ele foi até a Argentina fazer o show, e voltou ao Japão ao invés de vir ao Brasil, sendo que no MySpace do próprio, estava dito que ele não viria nem ao Brasil e nem á Argentina.

Ok, há informações que foram apssadas erradas pela organização, teve informações passadas erradas pelos fãs e por sites que estiveram presentes, MAS, posso garantir que não precisei MESMO inventar nada ali. Praticamente, estava escrito como um "Diário de Bordo".

Num blog, ou site sem fins lucrativos de fans, opiniões próprias e detalhes mais "confidenciais" por assim dizer, não são casos de problemas judiciais. Não é calúnia por não haver mentiras. A não ser que processem mais da metade do PÚBLICO que PAGOU para entrar no evento, e que se sentiu lesado por gastar um preço alto por muito pouco, comparado ao que estão ACOSTUMADOS pelo mesmo preço!

Não acho certo apagar o que se foi escrito, nem acho certo esconder das pessoas o que realmente aconteceu. Não acho correto agredir á quem tem coragem de dizer o que pensa, e não acho certo que PRECISEM dizer que algo está certo ou errado.

Se eu errei em algo na notícia, me corrijam, me digam AONDE errei, que pesquisarei sobre, e corrigirei, oras. Mas, o que é verdade deve ser dito! Ou estamos em um país de DITADURA, aonde não podemos ter pensamentos próprios, temos de pensar como nos MANDAM?

Já apanhei muito na vida por questionar "autoridades". Na TV a gente vê gente sendo morta por querer ver valer os seus direitos, pelas mãos de policiais, que deveriam estar as protegendo,e não as matando e extorquindo. Pessoalmente, vi muita injustiça acontecer, mas, sempre que havia algum jeito de contornar as situações, lá estava eu, me metendo na história para ajudar a quem precisasse de ajuda.

Portanto, quem tiver de tirar satisfações sobre a minha pessoa, que venha PESSOALMENTE, ao invés de ter de mandar "soldadinhos", equipe de gente inexpressiva que não tenha opinião própria, ou mesmo advogados com processos inválidos só para botar pressão em cima de mim. Venha PESSOALMENTE, admita seus erros, pois eu SEMPRE admito os MEUS erros. Se eu erro, eu admito que errei, se estou certo, ou não foi provado que errei, continuo em minha posição!

Bom, é o que tenho, e tenho dito! O episódio se passou, e ainda há gente pensando no PASSADO!

Vocês sabem o que é o futuro?

"O FUTURO ESTÁ ACONTECENDO... JÁ FOI!"

Simplesmente isso!

Bom, no PodCast do Anime freak Show sobre Code Geass R1, foi comentado sobre esta polêmica toda. En trem no site http://www.anfreak.co.cc e ouçam o podcast. No começo, na sessãod e cartas, está comentado um pouco sobre. Ouçam o podcast inteiro se puderem, pois é uma equipe muito boa, interessante, engraçada, responsável, e que sabe o que faz! Se você quiser ouvir APENAS a prte aonde é comentado sobre o ocorrido, apenas ouça o começo (sessão de cartas) ou baixe aqui a parte editada apenas sobre a polêmica!

Até mais, pessoal!

YATTA!

bye-Q!

Um comentário

LD disse...

Man, realmente é foda.
Mas você como divulgador não tem que ficar passando a mão na cabeça mesmo desse povo.Realmente foi foda.

Qualquer coisa, só chama

By LD

Tecnologia do Blogger.